TEMPO. SAÚDE. LIBERDADE. 

A mudança de comportamento nesse novo milênio mostra uma nova consciência e valores no mundo. 

Ter TEMPO e espaço nesse planeta atulhado, ter hortas orgânicas, animais livres, rios e mares limpos, matas nativas e florestas preservadas, biomas naturais.

Quem pode ter a liberdade de ser o que é, sem se preocupar com a opinião de ninguém? Quem pode ter tempo de fazer o que gosta e gostar do que faz?
 

Ter tempo de observar a beleza das coisas, de criar beleza nas coisas, de descobrir o mundo? Tempo de dançar sozinho, olhar demoradamente um pôr de sol?

 

Cuidar dos bichos abandonados e ter uns bichinhos pra chamar de seus? Tempo de cuidar de jardim e poder plantar muitas árvores? Tomar um café no fim de tarde e ler um bom livro?

Tempo de conhecer, descobrir e amar as pessoas? De acordar de bom humor e acreditar que é possível, é sempre possível e que estamos aqui para presenciar pequenos e grandes milagres?

 

O novo luxo é ter paz de espírito, consciência tranquila, meditar e sentir aquela felicidade que nasce dentro de você, não importa o que aconteça fora.
 

O novo luxo é saber ser gentil com pessoas que você não conhece, com empregados, funcionários, subalternos. Respeitar o outro independentemente de sua posição social, raça, cor ou credo.
Respeitar o ser humano que ele é.

 

O novo luxo é tentar entender quem pensa diferente, quem nos é estranho e saber que violência sempre gera violência e esse beco não tem saída.

Uma das conquistas do novo luxo é essa plenitude.

O novo luxo é conhecimento. Uma visão abrangente sobre o mundo em que vivemos e nossa passagem por esse lindo planeta azul.

 

O novo luxo não é ter: é SER!